Buscar
  • Carla Avena

Como começar a lista de convidados do casamento

Atualizado: Jan 22

Organização é (quase) tudo!

E a lista de convidados é o primeiro passo para organizar com sucesso o casamento.


Estar com ela bem estruturada (de forma funcional) facilita bastante a produção, impressão, caligrafia e entrega dos convites. Então porque não começar a listar os seus convidados em um modelo já organizado e que facilite os próximos passos?


1. Antes de mais nada sente com o seu parceiro e defina o perfil da celebração.


É importante que imaginem como seria o casamento perfeito para vocês. Um miniwedding? Uma grande festa? A partir disso vocês poderão definir onde serão os cortes.


2. Peçam ajuda à equipe de assessoria para estimar com inteligência a porcentagem de faltantes, conforme vários critérios: a cidade natal de vocês e dos familiares, o local do casamento, a época do ano, o dia da semana, e alguns outros detalhes.


Com essa informação, vocês poderão decidir qual o número de convidados limite. Por exemplo, se vocês querem um casamento para 200 convidados e a taxa de faltantes for 20%, poderão convidar aproximadamente 250 pessoas.


E ai vocês terão as seguintes respostas:


_____ - para quantos convidados os contratos serão fechados

_____ - quantas pessoas podemos convidar (aqui entram todos os convidados, inclusive aqueles que vocês têm certeza que não vão)


3. Por onde começar?


Com esse número em mãos (total de convidados que poderão incluir na lista), comecem a listar as pessoas mais próximas, aquelas que efetivamente participam da vida de vocês.


Depois, considerem parentes mais distantes, amigos dos pais e colegas de trabalho. Vejam se o número está de acordo e façam cortes sem poupar esforços – é uma parte difícil mesmo.


Dicas:

- Os pais querem convidar amigos? Definam uma cota de convites para eles;


- Estão com dificuldades para fazer cortes? Tentem usar algumas perguntas como base:


1. Vocês se falaram nos últimos dois anos?

2. Vocês já foram à casa dele/dela, ou ele/ela na sua?

3. Seus pais sentirão falta deste convidado?

4. É amigo de vocês fora das redes sociais?

5. Vocês se sentirão mal por não convidar?

6. Existe alguma razão especial para convidá-lo?

7. Vocês foram convidados para o casamento dele/dela?

8. Será necessário convidar outras pessoas porque ele/ela foi incluído/a?

9. Este convidado/a estará ou esteve ao seu lado em outras comemorações?

10. Será divertido para o seu casamento?


4. Por último mas não menos importante, os dados mais importantes na hora de montar a lista, em resumo, são:


- Nome completo do convidado (nada de apelidos ou tratamento na frente, afinal organizaremos por ordem alfabética posteriormente);

- Número ou nome dos acompanhantes;

- Caligrafia;

- E-mail;

- Endereço;

- Telefone.


A coluna “caligrafia” vai receber as informações de como o nome do convidado virá no convite. Seja caligrafado ou não (vocês podem optar por incluir tags impressos, dentre outras ideias).

A linguagem mais ou menos formal deve estar de acordo com a proposta do casamento.


O e-mail é importante para enviar o save the date virtual.


Ter os endereços reunidos em um só local facilita a entrega dos convites, agilizando essa etapa mais pra frente. E os telefones serão (muito) importantes para o R.S.V.P. ativo.


Depois nos contem se foi útil ou se sentiram falta de mais alguma dica?


Boa sorte!

















A fotografia presente neste post é da Laura Campanella, de um casamento Doux.

14 visualizações

douxmariage@gmail.com

   + 55 (21) 98143-0604 | + 351 913 759 587 

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Pinterest
  • Preto Ícone Facebook