Buscar
  • Carla Avena

Como escolher as músicas para a festa de casamento?

Entrada dos noivos, primeira dança, abertura de pista, buquê.

Você já escolheu todas as músicas para a sua festa de casamento?


Se ainda não escolheu, reunimos algumas dicas para ajudá-los na seleção.


Foto: Marina Lomar


Antes de escolher as músicas, é preciso pensar no cronograma de uma forma macro. Chegada dos convidados, cerimônia, pós cerimônia, festa... e por ai vai.


A maioria dos #casamentosdoux acontece com um cronograma mais ou menos assim:

- Welcome drinks

- Cerimônia


E ai, os noivos saem da cerimônia direto para as Fotos Protocolares, enquanto os convidados seguem para o Coquetel e Abertura das estações do buffet (se você ainda não viu o post "como escolher o serviço de buffet ideal", veja aqui).


Depois das fotos, se a cerimônia for no mesmo local da festa - sugerimos que os noivos vão para um lugar reservado para comer algo antes de entrarem na festa.

Neste momento, muitas noivas optam também por trocar o penteado, prender a cauda do vestido e, assim, voltam para encontrar os convidados mais confortáveis para este segundo momento do casamento:


// A FESTA


1. Música de entrada dos noivos:

Para a música de entrada, ou seja, para o retorno dos noivos ao encontro dos convidados, geralmente a música escolhida é bem marcante, dando ênfase a esse segundo momento da festa.

Vale trocar figurinha com o DJ escolhido e pensar em uma música importante para o casal.


Para esse momento, já rolou nos #casamentodoux:



Fotos: Love Shake


2. Primeira-dança

A música de entrada já foi, os noivos estão agora no centro da pista rodeados pelos convidados. Alguns pegam o microfone, agradecem, passam o microfone para algum discurso (como na foto acima), pode rolar um brinde; e, assim, chega o momento ideal para a primeira-dança do casal.


Aqui vale tudo, desde a clássica valsa, passando por todos os ritmos musicais. O importante é garantir um momento simbólico e especial para vocês.


Para esse momento, já rolou nos #casamentodoux:


Fotos: Love Shake


3. Neste momento, os noivos já dançaram, e ai vale pensar se vão querer dançar também com os pais. Caso queiram, a música da primeira-dança já é logo emendada na música para esta dança.


Para esse momento, já rolou nos #casamentodoux:


4. Abertura da pista.

Primeiro pense se vocês vão passar nas mesas para cumprimentar os convidados.

Hoje em dia, para uma festa mais animada, os noivos optam por agradecer no microfone e chamar todos para a pista. Desde os avós, passando pelos outros familiares, amigos e chegando naqueles super animados que ficarão ali do início ao fim. Dessa forma, vocês ficam na pista o tempo todo, e a festa flui com mais sequência.

O DJ pode ficar livre para essa escolha impactante, ou vocês podem definir em conjunto qual música vai dar a quebra, logo após da dança. Normalmente os convidados estão todos ao redor da pista, então se a música for bem escolhida, todos ficam ali para o momento de socialização que chega. O ritmo ainda não será o êxtase da festa, afinal os mais velhos são os primeiros a querer cumprimentar o casal e se agitar nesse primeiro momento. Lembre-se: o DJ - bem escolhido - fará a transição suave que vai de socialização até dança e animação.


Ai a pista está entregue aos noivos e ao DJ.


Foto: Thay Rabello


Para que ele esteja em sintonia com vocês e consiga entregar o que vocês esperam para a pista, vale bater um longo papo sobre os ritmos preferidos, os proibidos (caso exista), as músicas que não podem faltar, etc.

Lembre-se, quanto maior a carta branca dada ao DJ, mais ele vai poder sentir os convidados e embalar a sequência da festa.


5. Buquê


Para esse momento, já rolou nos #casamentodoux:


Foto: Thay Rabello


Que seja uma festa linda e animada!


Um beijo e até o próximo post!



6 visualizações0 comentário